Notícias

Por que as carteiras enfileiradas são frequentes nas salas de aula? Por que o método de ensino normalmente é expositivo? Por que as aulas precisam começar às 7h da manhã? Por que estudantes não podem usar celular? – são questionamento comuns entre aqueles que defendem uma escola conectada com a realidade, fora dos muros escolares. Um mapeamento coordenado pelo Instituto Inspirare, em 30 países, identificou 96 experiências (15 delas do Brasil) que inovam na prática pedagógica, a partir de cinco tendências que aproximam a prática educacional das exigências do século 21.

Leia mais...

Segundo resultados do Terceiro Estudo Regional Comparativo e Explicativo (TERCE), estudo realizado pelo Escritório Regional de Educação da UNESCO para América Latina e o Caribe (OREALC/UNESCO Santiago), a média regional dos níveis de aprendizagem aumentou na região, mas boa parte dos alunos ainda se concentra nos grupos de pior desempenho. Além disso, fatores associados à aprendizagem, como status socioeconômico, apoio das famílias, atendimento prévio à educação pré-escolar, pertencimento a populações nativas (autóctones), práticas de ensino, múltiplas formas de violência, entre outras circunstâncias, ainda afetam os resultados das crianças na região.

Leia mais...

O Brasil terá que aumentar em até três vezes o valor investido por aluno na rede pública para garantir educação com padrões mínimos de qualidade, de acordo com a Campanha Nacional pelo Direito à Educação, rede que reúne mais de 200 organizações. Esse cálculo significa R$ 37 bilhões a mais no sistema educacional público, que engloba 40,7 milhões de matrículas.

Leia mais...

Como a escola se relaciona com a vida adulta de jovens recém-formados no Ensino Médio? Para responder essa questão, a Fundação Lemann, com apoio técnico do Todos Pela Educação, entrevistou 40 jovens com idades entre 20 e 21 anos e que tiveram trajetórias de sucesso: todos tiveram notas acima da média no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), ingressaram no mercado de trabalho e/ou eram estudantes universitários. Os resultados foram consolidados na pesquisa Projetos de Vida, que rendeu um artigo publicado na nova edição do relatório De Olho Na Metas, divulgados neste mês pelo movimento (para baixar o documento, clique aqui).

Leia mais...

No aniversário de 25 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) divulgou na última segunda-feira (13) um relatório onde aponta conquistas e desafios do marco legal de 1990. Segundo o Unicef, o Brasil avançou em todos os indicadores em educação e hoje está perto de garantir a presença de 100% das crianças no ensino fundamental. Além disso, o País superou a meta de redução da mortalidade infantil estabelecida pelos Objetivos de  Desenvolvimento do Milênio da ONU.

Leia mais...

A formação dos professores será mais longa e mais voltada para a prática em sala de aula. É o que define parecer do Conselho Nacional de Educação (CNE), que já foi homologado pelo Ministério da Educação (MEC) e que deverá ser colocado em prática em até dois anos, prazo para que os cursos em funcionamento se adequem às novas regras.

Leia mais...

Está disponível para as instituições de ensino o resultado preliminar, por escola, do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014. O acesso aos dados é exclusivo dos gestores escolares. A divulgação dos resultados finais está prevista para o dia 27 próximo.

Leia mais...

Uma pesquisa feita com jovens que terminaram o ensino médio mostra que há uma desconexão entre o que é ensinado nas escolas e os conhecimentos e habilidades exigidos na vida adulta. A pesquisa Projeto de Vida – O Papel da Escola na Vida dos Jovens, da Fundação Lemann, foi apresentada nessa quarta-feira (8) em seminário que debate a base curricular nacional comum para a educação básica.

Leia mais...

A reformulação do ensino médio e a construção de uma base nacional curricular comum para essa etapa foram temas de discussão na última terça-feira (7) em seminário na Comissão de Educação, na Câmara dos Deputados. O integrante do Conselho Nacional de Educação (CNE) José Fernandes de Lima alertou que a base nacional comum não deve se limitar a uma lista de conteúdos, mas ir além e tratar, por exemplo, da formação dos professores e da relação entre União, estados e municípios.

Leia mais...

Em 2013, 54,3% dos jovens concluíram o ensino médio até os 19 anos, idade considerada adequada, segundo o movimento da sociedade civil Todos Pela Educação (TPE). No ensino fundamental, 71,7% dos estudantes conseguiram se formar até os 16 anos. Porém, as metas intermediárias definidas pelo movimento para o ano de 2013 eram 63,7% e 84%, respectivamente

Leia mais...
+ Educação
Assine a newsletter mensal e gratuita +Educação e receba ainda mais conteúdo no seu e-mail!